Dentro e fora de casa. Tarde especialmente tranquila. Sons de andorinhas antes do regresso aos ninhos, o assobio do melro, águas em movimento lá em baixo, na barroca. O Sol a despedir-se, uma brisa suave. O meu cantinho dileto na Serra da Lousã.

O Sol entrava pela janela. Através do candeeiro a petróleo, compartilhou a luz.

O lugar estava calmo, aproveitando os últimos raios de luz do Sol.

Posted by Picasa

Sem comentários: