Bonsai Carmona - saber como tratar

Comprei com o intuito de o ofertar a Marido. Sou eu que vou cuidar. Informei-me. Afinal, é um ser vivo :) e como tal, tem as suas necessidades...
O nome científico da Carmona é Ehretia buxifolia mas os entusiastas de bonsai de todo o mundo familiarizaram-se com esta planta durante muitos anos com o nome de Carmona microphylla, também conhecida como arbusto-do-chá Fukien.
Originária do sudeste asiático nomeadamente sul da China, trata-se de um arbusto tropical de folha perene de crescimento médio porém constante. É apropriado para o cultivo como bonsai de interior nos países temperados. A sua folhagem é densa de forma que encobre os ramos e apresenta uma cor verde escura brilhante com aspecto lustroso que a tornam bastante atractiva. Floresce com pequenas flores brancas na Primavera, princípio do Verão e esporadicamente todo o ano. Após a floração surgem pequenos frutos verdes que passam a vermelhos quando maduros.

Localização
A Carmona é sensível tanto ao calor como ao frio pelo que deverá ser mantida perto de uma janela que receba bastante luz com 2 a 3 horas de sol directo. No Verão no exterior deverá ser protegida dos ventos quentes e secos e em sombra parcial. No Inverno não suporta o frio pelo que deverá ser mantida num ambiente de interior com temperatura superior a 15º C evitando a proximidade de fontes de calor. A temperatura ideal para o seu crescimento situa-se entre 15º a 24º C. Abaixo dos 5º C será fatal.

Rega
A Carmona gosta de humidade constante. Manter o solo sempre húmido na estação de crescimento mas deixar que a terra seque ligeiramente entre regas. Nos meses de Inverno em que o crescimento e o consumo de água abrandam reduz-se a frequência de rega.

Solo
Utilizar uma mistura básica com maior percentagem de conteúdo orgânico.

Fertilização
Deve-se utilizar um fertilizante orgânico completo aplicado quinzenalmente no período de maior crescimento (princípios da Primavera a princípios do Outono) e no Inverno com uma frequência a cada 4-6 semanas. Durante todo o ano, pelo menos mensalmente, aplicar vitaminas na água da rega ou via foliar.

Transplante
O transplante deve ser efectuado a cada dois anos no início da época de crescimento, quando as temperaturas já não descem abaixo dos 18º C. Em Portugal o mês de Abril é o ideal. No momento do transplante deverá efectuar-se uma defoliação na mesma percentagem de raízes podadas. As flores e frutos terão de ser totalmente eliminados já que consomem demasiada energia e poderiam comprometer a recuperação do pós-transplante.

Poda
Para manter a forma os novos rebentos devem ser cortados a 2-3 folhas depois de crescerem até 6-8 folhas. Eliminam-se as folhas amarelas e os ramos secos. Efectua-se este tipo de poda durante todo o ano conforme vais sendo necessário para manter a árvore limpa e no seu desenho. Podas de estrutura e mais vigorosas devem ser deixadas para o final do Inverno.
Os ramos lenhosos podem ser aramados em qualquer altura embora sejam quebradiços. É preferível utilizar puxadas e a modelação através de uma poda constante.

Propagação
Consegue-se propagar carmonas através de sementes num ambiente de estufa em qualquer altura e através de estacas de madeira branda na Primavera.

Foi aqui - http://www.albonsai.com/ - que fui buscar toda esta informação.
Desejem-nos uma longa vida.

4 comentários:

O Salto Alto... Gravata ou Decote??? disse...

Obrigadissima...
Muito útil...
Apesar de ser uma árvore muito bonita para ter, escasseiam as boas informações...
Beijo

Guidinha Pinto disse...

Nome muito invulgar o do seu blog. Já vou lá dar um salto. Entretanto quero agradecer o comentário e dizer-lhe que o Bonsai morreu, apesar dos cuidados que teve.

Maria Eduarda Horta disse...

Tenho vários bonsai. O mais antigo é o Carmona. Está sempre bonito. Cuidado diário e ao contrário do que vem escrito em todo o lado: pôr a água sempre no fundo do prato e manter a terra ligeiramente húmida. Atenção porque este é o único bonsai que trato desta maneira.
Gostei do blog e do que li por aqui. Parabéns

Anónimo disse...

Ola pode esclarecer de inverno de quanto em quanto tempo poe agua no prato mais ou menos? Obrigada